Páginas

terça-feira, 25 de abril de 2017

Arcebispo de Olinda e Recife une-se aos arcebispos da PB e do RN e convoca a população para a paralização nacional contra as reformas do governo Temer

O arcebispo de Olinda e Recife, Dom Antônio Fernando Saburido, junta-se aos arcebispos Dom Delson (Paraíba) e Dom Jaime (Rio Grande do Norte), e convoca a todo o povo para participarem da paralização nacional, no próxima sexta-feira, dia 28 de abril, contra as reformas trabalhista e previdenciária proposta pelo governo Temer.

“Convoco a todos que participem no dia 28 de abril, próxima sexta-feira, da grande manifestação contras as reformas trabalhistas e da Previdência Social. [Essas reformas] vão contra os direitos garantidos pela Constituição Federal de 1988 e pela CLT, Consolidação das Leis do Trabalho. A classe trabalhadora não pode permitir que os direitos arduamente conquistados com intensa participação democrática sejam retirados”, diz o arcebispo.

No vídeo divulgado pela Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido diz que qualquer ameaça de retirada dos direitos dos trabalhadores brasileiros deve ter o “imediato repúdio”, e reafirmou que as reformas propostas pelo Governo Federal atingem apenas os trabalhadores assalariados.

“Qualquer ameaça a estes direitos merece imediato repúdio. Não podemos concordar com propostas de reformas que atinge apenas os trabalhadores assalariados do Brasil, que pagam seus impostos, enquanto outras categorias privilegiadas, com altos salários, não serão afetadas com as reformas trabalhistas e da Previdência que vêm sendo propostas.”

O arcebispo, de uma das mais importantes arquidioceses do Brasil, conclui sua fala convocando, novamente, a população para participar do grande ato marcado para a próxima sexta-feira em todo o país.

“Por isso, convoco todo o povo a comparecer na manifestação no dia 28 de abril e erguer a sua voz, em seu nome, em nome das gerações futuras e dos milhões de desempregados, para protestar contras as reformas trabalhistas e da Previdência”.

Assista ao vídeo:

Nenhum comentário: